.
FIM DOS FERIADOS "SANTOS"



Austeridade versus religiosidade. Este 1º de novembro marcou o último feriado do Dia de Todos os Santos em Portugal. Acordo entre Lisboa e Vaticano, subescrito por centrais sindicais, suspende esse feriado assim como o de outro chamado dia santo de guarda. Corpus Christi.

Os planos de austeridade do governo portuguès incluem a redução das folgas no trabalho, pelo menos até 2018. Na lista dos feriados suspensos, estão estas duas datas da Igreja Católica (Dia de Todos os Santos e Corpus Christi) e duas datas nacionais, 5 de outubro, dia da Implantação da República, e 1º de dezembro, dia da Restauração da Independência.

A informação é da Agência Brasil.

Foi também no dia 1º de novembro, em 1755, que Lisboa sofreu o pior terremoto de sua história, ficando praticamente destruída, com mais de 10 mil mortes, decorrência do terremoto seguido por tsunami.

Efeito positivo da tragédia foi a reconstrução da cidade, pelo marquês de Pombal, que seguiu o padrão arquitetônico inspirado no Iluminismo.

(01/11/2012)